«

»

Set 02

Whey Protein – Afinal, o que é?

Acesso imediato ao Curso Gratuito!

Digite seu nome e e-mail:

Odiamos Spam! Sua privacidade será mantida.

Whey Protein – Afinal, o que é?

Esta proteína é famosa entre os praticantes de musculação e esportes em geral. É por muitos, considerada a melhor. Mas afinal? O que é Whey Protein? Você sabe exatamente o que é? Pra que serve e como “funciona” em nosso organismo?

Pois bem, este artigo é para esclarecer uma pouco mais sobre esta proteína para todos curiosos, amantes e praticantes do esporte!

O Whey Protein, proteína do soro do leite, é uma mistura encontrada no leite. Estas proteínas possuem a característica de serem rapidamente absorvidas pelo organismo e de serem muito digeríveis. São muito adequadas para situações de reposição de proteínas para o organismo quando este encontra-se em situações de estresses metabólicos (é o que o seu corpo sofre decorrente da prática de exercícios físicos. Este estresse é proporcional ao desgaste da atividade, seu tempo de duração, sua intensidade e freqüência. Por exemplo, duas sessões de treinos fortes em um período de tempo curto).

As proteínas são conjuntos de aminoácidos ligados entre si por ligações químicas. Manter os músculos, desenvolvê-los e repará-los, sem o aporte protéico é tarefa muito difícil para o organismo. Para se ter uma idéia, além de músculos, enzimas e alguns hormônios são compostos de aminoácidos e portanto, proteínas. Se você é atleta profissional, atleta amador ou praticante regular de atividades físicas não deve ficar sem o consumo diário e correto de proteínas, seja pela alimentação, seja pelo consumo de suplementos.

Obs.:(Você consegue consumir sua demanda diária necessária sem o auxílio de suplementos, basta ter uma dieta alimentar regrada. Os suplementos auxiliam e facilitam sua alimentação diária por terem as concentrações necessárias em formas práticas de consumo.

Há proteínas de cadeias completas de aminoácidos e cadeias incompletas, basicamente. As de cadeias completas são responsáveis pela construção dos músculos. As fontes são, por exemplo, leite e derivados, ovos, whey, carnes. O valor biológico das proteínas indica a “velocidade”, a eficiência com a qual seu corpo as utilizará. Maior valor, maior retenção de aminoácidos e nitrogênio. (Atenção praticantes assíduos de musculação, esta palavra lembra algo? Nitrogênio… balanço nitrogenado positivo… óxido nítrico…rsrs)

Agora que você sabe o que é Whey Protein, vamos falar um pouco dos seus benefícios.

As proteínas são necessárias para a reconstrução do tecido. Se o exercício for extenuante, de longa duração, endurance, as proteínas podem inclusive serem utilizadas para geração de energia. Sendo assim, o aporte protéico de quem faz exercícios regularmente não pode ser negligenciado. O exercício forte, exaustivo causa entre outras coisas, produção de radicais livres e depressão imunológica e as proteínas do soro do leite (whey) estimulam o sistema imune e a produção de anticorpos, além de serem antioxidantes. Portanto é de se esperar resultados benéficos ao consumo de whey, antes,durante e após períodos de treinamentos extremamente desgastantes, prolongados e exaustivos.

O sistema imune.

A síntese de glutationa foi associada com o poder imunoestimulante das proteínas do whey protein, por pesquisadores. A glutationa estimula os linfócitos que sintetizam imunoglobulinas.

No soro do leite, as imunoglobulinas permanecem quase que integralmente. Estas são responsáveis por atacarem proteínas estranhas ao corpo, denominadas antígenos. São classificadas pela sua funcionalidade como anticorpos: IgA, IgD, IgE, IgG, IgM.

Na atividade física

Na atividade física, o whey protein fornece os aminoácidos necessários, de forma muito otimizada, para a construção e reparação muscular. Então veja, é benéfico tanto para trabalhos intensos que visam por exemplo, ganho de massa muscular, quanto para trabalhos intensos que visam perda de peso, pois auxilia na prevenção quanto a “quebra” muscular, ajudando a manter um ambiente anabólico. Lembrando sempre que, o balanço calórico tem que ser correto, equilibrado, tanto para ganhos (balanço positivo) quanto para perda de peso (balanço negativo).

Se durante exercícios intensos os aminoácidos podem ser “minados” e o sistema imune deprimido, por causa da intensidade do exercícios, suplementos a base de whey serão ótimos, uma vez que, aminoácidos como l-glutamina e l-cisteína auxiliam no incremento da produção de glutationa, essa por sua vez, ajudando a fortalecer o sistema imune. Sem falar na lactoferrina, peptídio também produzido a partir de whey e que auxilia o sistema imune.

Quanto mais exercícios fazemos, mais aminoácidos precisamos ingerir, principalmente os de cadeia ramifica (BCAAs), assunto para um outro artigo. E Whey protein fornece uma grande concentração de BCAAs também.

Portanto, Whey Protein, auxilia na construção de um corpo esteticamente melhor, no rendimento atlético e no ganho de massa muscular. Possui compostos bioativos que auxiliam na melhora imunológica. Concentra uma quantidade boa de aminoácidos de cadeia ramificada. Tem uma digestibilidade muito boa, sem incrementos na ingesta de gorduras e calorias…

São por esses e outros motivos que o Whey Protein se tornou muito famoso e acredito eu, é o suplemento protéico preferido por praticantes de esportes e atletas.

Um grande abraço e até a próxima!

  • Busque por promoções de tênis, camisetas e artigos esportivos em nosso site!

Receba as atualizações deste Blog em seu email. Clique aqui.



Mais Musculação, Emagrecimento, Treinamento e Definição

This site is protected by WP-CopyRightPro