«

»

Out 08

Antes do percentual de gordura saiba o peso absoluto de gordura

Acesso imediato ao Curso Gratuito!

Digite seu nome e e-mail:

Odiamos Spam! Sua privacidade será mantida.

Antes do percentual de gordura saiba o peso absoluto de gordura!

balança e fita métricaQuando fazemos avaliação física, desejamos saber quanto de gordura temos no corpo e como estamos classificados: Magro(a), Normal, Gordo(a), Sobrepeso ou Obesidade e seus graus, e naturalmente quanto de massa magra temos também. Ao mesmo tempo, é quase que unânime que hoje em dia todas as academias e profissionais do fitness utilizam um software para fazer estes cálculos, bastando somente coletar e inserir os dados do avaliado. Estes softwares utilizam fórmulas matemáticas para fazerem estes cálculos e estas fórmulas são descritas e/ou apresentadas através de protocolos específicos elaborados por seus cientistas-autores. (Até aqui, conhecimento obrigatório somente para quem é profissional do ramo.)

No detalhes da avaliação física de hoje, vou te explicar porque é mais importante você saber o Peso Absoluto de gordura antes do famoso Percentual de Gordura para saber se está indo em direção à boa forma ou se está com informações que te confundem e podem te fazer acreditar que sua forma está ruim.

Por que o Peso Absoluto de Gordura ao invés do Percentual?

A resposta a esta questão é que cada software utiliza protocolos de avaliação diferentes configurados por alguém. Como assim?

Você lembra quando entra na sala de avaliação física e o Personal ou avaliador vem com um aparelhinho de fica te “beliscando”? Na barriga, no tríceps, no peitoral, no abdomên, etc etc, ele puxa sua pele, usa o aparelho de “beliscar” e anota os valores. Depois usa a fita métrica e mede o perímetro do seu braço, peitoral, abdomên, etc etc, aí imprime a avaliaação e fala para você: “Você tem 28% de gordura.” Nada errado até aí, ele fez os procedimentos de coleta tudo direitinho. O que acontece aí é que cada protocolo utilizado tem um “peso” diferente para cada dado coletado. Exemplo: Suponhamos um protocolo A e um protocolo B. Ambos utilizam os dados coletados do peitoral, do abdomên, do tríceps e da coxa. Porém, no protocolo A, a medida da Coxa tem “peso” 2 (pode-se entender que ela é “mais importante”, que ela soma mais na fórmula utilizada) enquanto que no protocolo B a medida do Peitoral é que tem “peso” 2. O que acontece com o Percentual de Gordura nestas duas situações? Vão ter resultados diferentes! Usando os mesmo dados coletados na avaliação, (medidas do peitoral, coxa, abdomên e trícipes) pode acontecer de no protocolo A você ter um Percentual de Gordura maior em relação ao protocolo B.

Por que é importante saber isso tudo?

É importante para você não cair no engano de achar que seus treinos não estão dando resultados e assim decidir parar de treinar. Veja bem, o nosso corpo tem uma herança genética interessante em relação ao acúmulo de gordura. Enquanto umas pessoas acumulam mais gorduras na barriga, outras acumulam mais gorduras nas costas, enquanto outras acumulam mais gorduras no quadris. Daí, você treina, treina, treina e verdadeiramente você abaixa sua quantidade de gordura de forma considerável só que na hora da reavaliação, parece que o resultado foi pequeno. E sabe porque isto acontece? Porque pode ser que a região que você mais acumula gordura tenha uma “peso” 2 no protocolo utilizado de avaliação, entendeu? Ainda não? Veja bem, você abaixou suas medidas nas costas, no tríceps, no peitoral, nas coxas, no quadril, e no bíceps, porém, não abaixou tanto assim no abdômen. Daí quando você faz a reavaliação, o protocolo utilizado considera mais a medida do abdômen e dá um resultado pequeno em relação ao seu Percentual de Gordura anterior só que, você abaixou a gordura em todas as outras medidas! Por isso eu te digo, mais importante que o Percentual de Gordura é você saber o valor absoluto de gordura pois, você pode ter perdido muita gordura com um treinamento muito bem feito e ter um resultado em percentuais que reflita menos do que realmente foi…

Concluindo

Saber o percentual de gorduras é importante para acompanhar sua evolução, principalmente em objetivos de estética, porém, é fundamental saber analisar todos os resultados e medidas para diminuir a margem de erro de toda avaliação.

Sendo assim, sempre lembre também de comparar os valores absolutos de gordura e massa magra além dos percentuais. Você pode ter perdido mais gordura do que parece e ter ganho mais massa magra também.

Curiosidade: Para cada um grama de gordura são necessários em média 9 Kcal para sua completa oxidação, traduzindo: Para “queimá-la”. Em outro artigo chamado “Razão da troca respiratória e queima de gorduras”, eu explico como o corpo “entende” que é para “queimar” mais gorduras utilizando toda a energia necessária para determinada faixa de trabalho de um exercício aeróbio. Você consegue imaginar o “estrago” que você pode fazer nas gorduras, treinando na intensidade correta sabendo quanto de energia você precisa gastar para literalmente “torrar” a gordurinha em excesso? Interessante, não?

Um grande abraço e até a próxima!

  • Busque por promoções de tênis, camisetas e artigos esportivos em nosso site!

Receba as atualizações deste Blog em seu email. Clique aqui.



Mais Musculação, Emagrecimento, Treinamento e Definição

This site is protected by WP-CopyRightPro